Zumbi quer achar:

2 de nov de 2015

Black Sabbath - Born Again (1983)

Dei um grande vacilo ao não ter postado o play de hoje no Halloween... mas a vida segue! Em 1983 o Black Sabbath estava sem vocalista, e Ian Gillan desiludido com sua carreira solo. Um encontro entre ambas as partes num bar em Londres acabou resultando num momento único na história.
Born Again é o único disco do Sabbath com Gillan nos vocais e o último com Bill Ward na bateria. É um dos mais pesados da discografia dos criadores e de longe um dos mais injustiçados. Com pedradas como Disturbing the Priest e Trashed é difícil entender como tantos fãs rejeitam esse play. Nele ainda temos a ótima Zero The Hero, que foi plagiada DESCARADAMENTE pelo Guns'n'Roses anos tempos.
Infelizmente após a turnê desse disco, Gillian saiu da banda para a reunião do Deep Purple e só voltou a trabalhar com Tony Iommi no ótimo projeto WhoCares em 2011. Respeito quem ouviu e não gostou, agora, quem se recusa a ouvir Sabbath sem Ozzy está se recusando a ouvir Riffs do Tony Iommi... Não sei como alguém pode pensar que sai ganhando ao fazer isso!

1. Trashed (4:17)
2. Stonehenge (1:58)
3. Disturbing the Priest (5:49)
4. The Dark (0:45)
5. Zero the Hero (6:54)
6. Digital Bitch (3:38)
7. Born Again (6:32)
8. Hot Line (4:53)
9. Keep It Warm (5:36)

Nenhum comentário:

Postar um comentário